jose ademir radolFoi divulgado o retrato falado de José Ademir Radol, de 48 anos, principal suspeito de ter matado a jovem Aline Moreira, de 18 anos. O corpo da menina foi encontrado na zona rural de Rio Negro, região metropolitana de Curitiba, na terça-feira. Ela estava nua e com um ferimento na testa. Ainda não se sabe se Aline sofreu abuso sexual.

O suspeito era namorado da mãe da vítima, Leonilda Kurlapski, e saiu com Aline de Mafra, Santa Catarina, na sexta-feira (27), com destino à capital paranaense.

O último contato do mecânico com a família da vítima teria acontecido no domingo, quando o homem mandou uma mensagem de celular para a mãe da moça.

O suspeito foi visto pela última vez pelos próprios irmãos, que teriam ajudado a rebocar o carro de Leonilda, utilizado na viagem. De acordo com um primo da vítima, os parentes do mecânico teriam notado que ele estava com vários arranhões no rosto, mas não imaginavam o motivo.

Confira mais notícias da Região Metropolitana de Curitiba pelo Jornal do Povo Paraná 

Confira mais notícias do Litoral do Paraná no Jornal do Povo Paraná

Confira mais notícias de Curitiba no Jornal do Povo Paraná

Confira mais notícias do interior do Paraná no Jornal do Povo Paraná

Fonte: Bem Paraná / foto: Divulgação