Neste domingo (3/9), a cultura de três povos será apresentada no Memorial de Curitiba, dentro da programação do Pavilhão Étnico. O evento terá grupos folclóricos das culturas gregas, italianas e alemãs.

A alegria da cultura grega, peculiaridades e costumes serão mostrados pelos 40 integrantes – gregos e descendentes – do Folclore Grego Neoléa do Paraná. De acordo com a diretora geral do Neoléa, Sula Kotzias, a proposta é mostrar a cultura por meio da dança. “Usaremos o traje típico de ilha para as danças folclóricas e um traje mais moderno para as danças contemporâneas. A nossa apresentação contagiará o público, principalmente com a dança de Zorba, o grego, conhecida como a dança de quebra pratos”, explica.

O sentimento de esperança do povo italiano em relação a uma terra desconhecida será representado pelo Grupo Folklorístico Giuseppe Garibaldi. Os integrantes, com trajes típicos de Vêneto, dançarão músicas dessa região. Segundo Angélica Stella Kaspchak, coordenadora do grupo, a dança é a que mais representa a imigração e o cotidiano dos ascendentes, respeitando sua originalidade. “É uma dança bem cênica e a coreografia reproduz com fidelidade o costume de Vêneto”, afirma.

Crianças com trajes da Floresta Negra, na Alemanha e de Tirol, na Áustria, adultos com trajes de Miesbach, sul da Alemanha e Master com caracterização da região da Floresta da Boêmia. É isso que o Grupo Folclórico Germânico Alte Heimat vai trazer ao público. De acordo com a coordenadora de danças do grupo, Verônica Isabela Quandt, as danças das crianças representam quase sempre brincadeiras, as dos adultos muitas vezes representam profissões, o namoro do casal ou uma festividade específica.

Ela ainda explica o significado do sapateado e os detalhes do figurino. “O sapateado é feito pelos rapazes para chamar a atenção das moças. As correntes douradas no chapéu do traje bávaro das meninas representam a riqueza de cada moça”, afirma.

Serviço: Pavilhão Étnico

Local: Memorial de Curitiba (Rua Claudino dos Santos, 79, Centro Histórico, São Francisco)
Data e horário: domingo (3/9), às 11h
Entrada franca

Fonte: Prefeitura de Curitiba