Ao mais clássico estilo “eu era feliz e não sabia”, os trabalhadores dos Correios no Paraná estão tendo de lidar com uma nova e alarmante situação. Se até pouco tempo atrás o que mais afligia os carteiros eram cachorros soltos e suas mordidas, agora o que preocupa são bandidos e suas armas. Segundo dados do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios no Paraná (Sintcom-PR), durante todo o ano de 2015 registrou-se uma média superior a um assalto por dia contra funcionários e agências da empresa. E os números não param de aumentar em 2016.

Clique aqui para ler a matéria completa
Fonte: Bem Paraná